Conheça as principais causas da escoliose

Saiba as implicações de ser um atleta de fim de semana
13 de agosto de 2019
Como manter a postura correta no trabalho
10 de setembro de 2019

A escoliose, um dos principais desvios na coluna vertebral, caracteriza-se pela curvatura anormal para um dos lados do tronco, determinada pela rotação das vértebras, que pode ser leve ou severa.

Geralmente, é descoberta durante a fase de crescimento, na infância ou adolescência. Quando isso ocorre após a puberdade, é chamada de escoliose do adulto.

Segundo o Dr. Fabrício Ueno, especialista em coluna, do Centro Ortopédico Paulistano (COP), a causa mais comum de escoliose em adultos é a degenerativa. “A escoliose do adulto pode ser um caso não descoberto na infância, mas a maioria é pela degeneração conforme a idade, que pode apresentar sintomas e requerer tratamento”, explica.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Alguns quadros podem evoluir, causando alteração no corpo vertebral, perda de altura e até desalinhamento da pelve e quadril. Além disso, podem ter dor irradiada para os membros inferiores e dor lombar, que pode ser decorrente de modificações degenerativas, mas a maioria ocorre por diminuição da musculatura abdominal e perda do condicionamento físico.

Nos adultos, os sintomas são tratados independentes do grau de curvatura da coluna a fim de melhorá-los e não para fixar a curva.  “Porém, mudanças na aparência do corpo vertebral podem ocorrer dependendo da curva”, destaca o Dr. Fabrício Ueno.

Se você sofre de escoliose ou precisa de mais informações sobre coluna vertebral, consulte um dos especialistas do COP.

Fonte: Comunica – Assessoria em Comunicação

//]]>