Como cuidar bem da sua coluna?

Quais são as sequelas mais comuns da Covid-19?
4 de maio de 2021
Cirurgia endoscópica da coluna entra no Rol da ANS
8 de junho de 2021

Médico do COP recomenda medidas simples você cuidar bem da sua coluna, principalmente em tempos de home office e distanciamento social

Nos últimos meses, os desafios da pandemia, em especial o home office e o isolamento social, levaram mais pessoas ao consultório com dores nas costas relacionadas ao novo estilo de vida. Mas, afinal, quais são as dicas para cuidar bem da coluna?

coluna vertebral é responsável em dar sustentação ao corpo e garantir a mobilidade. Também é um importante eixo de comunicação, por meio da medula espinhal, entre o sistema nervoso central e o periférico. Por isso, a coluna merece toda a atenção.

“Em seus escritórios, as pessoas normalmente contavam com cadeiras e mesas ergonomicamente compatíveis. Em casa, a maioria teve que adaptar as condições de trabalho que nem sempre são as mais adequadas”, comenta o Dr. Fabrício Ueno, especialista em coluna do Centro Ortopédico Paulistano (COP).

Além disso, segundo o médico, o estresse comum nesse período de pandemia afeta a saúde da coluna. “A tensão pode levar a maior contração da musculatura paravertebral, podendo ocasionar dor e desconforto”.

7 dicas para cuidar bem da coluna

O Dr. Fabrício Ueno recomenda algumas medidas simples para minimizar o problema:

1- Cuide da postura no home office

Mesmo em casa, a recomendação é utilizar móveis adequados para trabalhar. A cadeira, por exemplo, deve ter um encosto alto suficiente para amparar toda a coluna e apoiar a cabeça. A mesa também não pode ser muito alta ou muito baixa; o ideal é que o antebraço tenha o apoio adequado. Os pés devem ficar apoiados totalmente no chão. O quadril e os joelhos devem ficar a 90 graus. Trabalhar deitado na cama, nem pensar!

2- Olhe para frente

O monitor do computador deve estar posicionado na mesma altura dos olhos. Se o pescoço ficar inclinado para baixo ou para cima por muitas horas, a coluna cervical será a mais prejudicada, provocando dores na região.

3- Faça pausas

Durante a jornada de trabalho, é fundamental fazer algumas pausas para alongamentos dos braços, mãos, pernas, pés e pescoço. Praticar caminhadas curtas, mesmo que dentro de casa, também é importante para manter o corpo em movimento e evitar problemas na coluna.

4- Atente-se ao uso do celular

Evite usar o celular com o pescoço inclinado para baixo ou falar ao telefone com ele torto para o lado. Nesta posição, a coluna cervical fica curvada, ou seja, há a inversão da lordose e acarretando dores na região que podem se estender aos ombros.

5- Mexa-se!

As atividades físicas, com regularidade, são fundamentais para fortalecer a lombar, o abdômen e a região pélvica. Musculação, natação e pilates, por exemplo, favorecem a postura ereta e a saúde da coluna. Para iniciantes, a melhor opção é a musculação por isolar os grupos musculares que serão trabalhados, não forçando os demais.

6- Carregue peso na medida certa

Na hora de segurar as compras de supermercado, por exemplo, o ideal é dividir o peso em duas sacolas, que devem ser erguidas com as duas mãos e com os cotovelos flexionados a 20 graus. Além desse cuidado, a recomendação é não carregar mais que 5 quilos.

7- Durma bem

A hora do descanso também merece atenção A melhor posição para dormir é a de barriga para cima. A segunda é de lado, com o travesseiro entre os joelhos. Porém, o travesseiro não pode ser alto nem baixo para não prejudicar o alinhamento do pescoço. Outra dica é observar o colchão, que deve ser confortável, ou seja, nem duro ou mole demais.

Se as dores nas costas e os problemas na coluna persistirem, agende uma consulta com um especialista do COP.

Leia mais:

Sedentarismo e tensão na pandemia aumentam chances de problemas ortopédicos:

https://copaulistano.com.br/noticias/sedentarismo-e-tensao-na-pandemia-aumentam-chances-de-problemas-ortopedicos/

Previna-se das dores nas costas e na lombar:

https://copaulistano.com.br/noticias/previna-se-das-dores-nas-costas-e-na-lombar/

Fonte: Comunica – Assessoria em Comunicação

//]]>